quarta-feira, 7 de março de 2012

" O amor quando chega inteiro é como um vento de esperança que sopra nos nossos corações magoados, uma canção permanente que se canta em silêncio e um gesto de generosidade que não se interrompe, porque o amor nos faz desejar a felicidade do outro. "
"Quando a gente ama alguém de verdade
Esse amor não se esquece
O tempo passa, tudo passa, mas no peito
O amor permanece
E qualquer minuto longe é demais
... A saudade atormenta
Mas qualquer minuto perto é bom demais
o amor só aumenta."
Toda pena de amor, por mais que doa,
No próprio amor encontra recompensa.
As lágrimas que causa a indiferença
Seca-as depressa uma palavra boa.
A mão que fere, o ferro que agrilhoa,
Obstáculos não são que Amor não vença,
Amor transforma em luz a treva densa;
Por um sorriso Amor tudo perdoa.
Ai de quem muito amar não sendo amado,
E depois de sofrer tanta amargura,
Pela mão que o feriu não for curado...
Noutra parte há de em vão buscar ventura:
Fica-lhe o coração despedaçado,
Que o mal de Amor só nesse Amor tem cura.
Se negamos o amor que nos é oferecido,
Se recusamos o amor que nos é pedido,
Se vivemos com medo das perdas e da dor,
Então nossas vidas serão vazias,
Nossas dores insuportáveis
e nossas perdas difíceis de assimilar.
Mostre seu coração por inteiro.
Não há diplomacia melhor do que a franqueza e a doçura.
De tudo ficaram três coisas:

A certeza de que estamos começando,
A certeza de que é preciso continuar e
A certeza de saber que podemos ser interrompidos,
Antes de terminar...

Façamos da interrupção um caminho novo,
Da queda um passo de dança,
Do medo uma escada,
Do sonho uma ponte,
Da procura um encontro.

E assim terá valido a pena existir.
" Não importa o quanto essa nossa vida nos obriga a ser sérios.
Todos nós procuramos alguém para sonhar, brincar, amar e tudo o que precisamos é de uma mão para segurar e um coração para nos entender."
'Nunca' e 'sempre' são palavras que só deviam existir nos contos de fadas. 
São palavras que fazem parte de promessas impossíveis de serem cumpridas. 
Mas como é bom ouvi-las, não é mesmo?!